criação de salmao em tanques

Salmão de viveiro da Noruega

Documentário que está neste momento a dar na Rtp3 salmão de viveiro. Aconselho a quem tem box de gravação que o veja.

É uma questão de saúde pública

Para quem não tiver box pode ser visto no fim do artigo

Uma ampla investigação a nível mundial mostra os segredos da indústria do peixe. Cientistas confirmam, por exemplo, que o salmão de viveiro é o alimento mais tóxico do mundo. Na Noruega, Vietname ou Suécia, o peixe tornou-se uma indústria com enormes fábricas de alta tecnologia, onde são usadas toneladas de produtos químicos para alimentar milhões de peixes. Por exemplo, cerca de 50% do bacalhau nasce com deficiências genéticas

extensive research worldwide shows the fish industry secrets. Scientists confirm, for example, that  farmed salmon is the most toxic food world.In Norway, Sweden and Vietnam, the fish has become an industry with enormous high technology factories, where  are used tons of chemicals tofeed millions of fish. For example, about 50% of cod born with genetic defects

É uma questão de saúde pública.

It is a matter of public health.

 

E não há regulador neste mundo com eles no sítio que actue em defesa do consumidor

documentário  com legendas em portugues

documentary in English

Salmonopoly – Um outro documentário muito esclarecedor, “Salmonopoly“, realizado por Wilfried Huismann e Arno Schumann, leva-nos a outras paragens e a outros segredos do “negócio”.

SalmonopolyAnother very enlightening documentary, held by Wilfried Huismann and Arno Schumann, leads us to other places and other secrets of the “business”.

Marine Harvest é a maior preocupação mundial no que diz respeito a aquicultura. Produz mais de 100 milhões de salmão de viveiro por ano e fornece os consumidores na Europa, EUA e Japão. Mas a que preço?
Este império global é dirigido por John Fredriksen, um self-made man e um dos mais ricos do mundo. Na sua casa norueguesa, autodenomina-se de “Big Wolf”; “verde”, “duradouro” e “transparente”. Mas a realidade contradiz a filosofia da empresa, especialmente no Chile, onde Marine Harvest é de longe o maior produtor, com cerca de 70 viveiros de peixe.  O Chile, com a sua legislação que deixa a desejar, é um paraíso para os investidores.
This global empire is run by John Fredriksen, a self-made man and one of the richest on Earth. In his Norwegian home, calls himself  “Big Wolf”;  “green”, “enduring” and “transparent”. But reality contradicts the corporate philosophy, particularly in Chile where Marine Harvest is by far the largest producer with some 70 fish farms. Chile, with its barely-there environmental legislation, is a paradise for investors.
Tudo o que é proibido aos produtores de salmão na Europa é permitido no Chile, tendo como resultado 18 meses de criação,  um salmão carregado de químicos. Em Abril de 2008, para melhorar a imagem da aquicultura intensiva em larga escala, Marine Harvest firmou uma parceria com a WWF. Por um donativo de 100.000 euros por ano, Marine Harvest pode usar o panda do logótipo da WWF para fazer propaganda do seu salmão de viveiro produzido industrialmente.
Everything that is forbidden to salmon producers in Europe is allowed in Chile, with the result that after 18 months of rearing, the salmon are a chemically loaded product. In April 2008, in order to improve the intensive large-scale farming image, Marine Harvest entered into a partnership with the WWF. For a donation of € 100,000 per year, Marine Harvest may use the WWF’s panda logo to advertise its industrially produced farmed salmon.
Totalmente suspeito ecologicamente, mas muito bem sucedido economicamente: após o colapso durante a crise financeira, as acções da companhia subiram 270 por cento no verão de 2009. John Fredriksen é o principal protagonista deste “eco-thriller” posicionado no mundo obscuro de um gigante alimentar global.
Utterly suspect ecologically, but very successful economically: after a collapse during the financial crisis, the company’s shares rose by 270% in the summer of 2009 alone. John Fredriksen is the main protagonist in this eco-thriller set in the murky world of a global foodstuff giant.
clique na imagem abaixo para ver o documentário
indice
documentary in English

 

Fonte: Salmão de viveiro da Noruega – Alimento mais tóxico do mundo | A Arte da Omissao

Deixe uma resposta